10 curiosidades sobre a Revolução Russa

Conheça mais sobre uma das mais importantes revoluções do século XX

 

1 – No dia 7 de novembro de 1917, começava a fase final da Revolução Russa, a revolta que permitiu que a Rússia se tornasse o primeiro país governado por um governo socialista no mundo. Iniciada oficialmente em março de 1917 de acordo com o calendário gregoriano, esse acontecimento histórico teve repercussões históricas gigantescas.

 

2 – Quais os antecedentes da Revolução? Bem, a Rússia era bem atrasada em comparação às outras potências europeias da época. Seu modelo econômico era baseado na agricultura e mantinha relações praticamente feudais entre os latifundiários e os camponeses. As poucas cidades industrializadas mostravam as mesmas desigualdades do campo. Até mesmo entre a nobreza o Czar (ou Tsar) Nicolau II não era popular. No começo do século XX vários fatores aumentaram a combustão social na Rússia: revolta do encouraçado Potemkin, greves e grandes protestos em 1905 que resultaram em grandes massacres – como o Domingo Sangrento – por parte do governo czarista. Ainda houve o surgimento de partidos de oposição de base socialista, como os liderados pelos bolcheviques e mencheviques.

 

Vladimir Lenin, líder da revolução comunista na Rússia

 

3 – Em 1914 a Rússia havia entrado na Primeira Guerra Mundial e piorou ainda mais a credibilidade do governo. Vários russos morreram na guerra pelo despreparo do exército e inúmeros morriam de fome ou frio nos campos e cidades. Foi neste momento que a oposição se uniu e conseguiu destituir Nicolau II.

 

4 – A Revolução de Fevereiro (março no calendário gregoriano) foi a primeira fase da Revolução Russa. Começou em protestos populares no Dia Internacional da Mulher e continuou por mais uma semana, até que o Czar abdicou do trono. Um governo provisório foi instalado com a liderança do príncipe Georgy Lvov.

 

Família Real russa foi assassinada pelo governo bolchevique

 

5 – Os governantes interinos eram grandes proprietários de terra, burgueses e partes da nobreza que queriam derrubar Nicolau II. Mantiveram a Rússia na guerra mesmo com as manifestações populares contrárias, a inflação crescia assustadoramente e a fome ainda massacrava a população. Nesse meio tempo, Vladimir Lenin retornou do exílio e começou a liderar os bolcheviques.

 

6 – O líder revolucionário russo recebeu apoio alemão para organizar uma revolta contra o governo provisório e tomar o poder na Rússia. A Revolução de Outubro (novembro no calendário gregoriano) iniciou-se com três exigências: saída russa da guerra (por isso o auxílio da Alemanha), reforma agrária e apoio à população em dificuldades. Os bolcheviques logo controlaram a capital Petrogrado (atual São Petersburgo) e dissolveram a Assembleia Nacional. Além disto, assassinaram sumariamente Nicolau II, a rainha e todos os seus filhos.

 

7 – Em março de 1918 o novo governo Russo assinou um tratado de paz com os alemães, no qual abria mão de várias províncias: Polônia, Finlândia, Lituânia, Estônia, Letônia, Bielorrússia (Belarus) e Ucrânia, além de áreas das etnias turcas, armênias e georgianas. A Alemanha conseguiu o que queria e focou suas atenções no front ocidental da Grande Guerra. Houve também. Mesmo com a saída do conflito mundial, a Rússia entraria em uma longa guerra civil.

 

Foto de voluntários na Guerra Civil Russa

 

8 – Uma sangrenta disputa pelo poder na Rússia se estabeleceu. O Exército vermelho do novo governo socialista bolchevique era liderado por Leon Trotsky e permitiu a manutenção do poder ao enfrentar os Exércitos Branco (czaristas e liberais), Verde (camponeses e nacionalistas tradicionalistas que enfrentaram tanto os brancos, quanto os vermelhos), Azul (exército polonês recém-formado) e Negro (anarquistas, também enfrentaram os vermelhos e brancos). A guerra teve fim em 1921 com a vitória dos bolcheviques.

 

9 – Em 1921 também foram iniciadas grandes reformas estruturais e econômicas. Primeiramente o país se abriu economicamente para receber capital estrangeiro e se reestruturar, mas o controle governamental sobre a vida das pessoas e das empresas já era visível. Foi começada uma forte industrialização na Rússia e a reconstrução de um país devastado por guerras, fome e pobreza.

 

União Soviética foi criada em 1922

 

10 – Em dezembro de 1922 houve a fundação da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS), que representa a criação de uma república socialista de partido único. Em 1924 Vladimir Lenin faleceu e seu lugar foi tomado por Josef Stalin, que assegurou a permanência da União Soviética entre as potências mundiais.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •