5 curiosidades sobre Alcides Ghiggia

Conheça mais sobre esse importante jogador

 

1 – Alcides Ghiggia, você conhece essa pessoa? Bem, ele foi o responsável pelo gol do título do Uruguai na Copa do Mundo de 1950. Em pleno Maracanã lotado, o Brasil precisava apenas do empate para ser campeão mundial pela primeira vez. No entanto, o ponta-direita uruguaio marcou o gol que impactou profundamente o país. Nascido em 22 de dezembro de 1926, conheça a história do nosso carrasco em 50.

 

O histórico gol de Ghiggia contra o Brasil em 1950

 

2 – Começou a carreira profissional no modesto Sud América de Montevideo aos 21 anos de idade. Havia desistido do curso de mecânica alguns anos antes para buscar este sonho. O clube que defendia era da segunda divisão e Ghiggia começou a mostrar talento, tanto que no ano seguinte foi contratado pelo poderoso Peñarol como reserva. Esperou sua chance e não deixou passar: formou o ataque chamado de “Esquadrão da Morte”, que conquistou o título uruguaio invicto em 1949.

 

O grande Peñarol de 1949. Fonte: Opinión2000

 

3 – Na Copa de 1950, o atacante uruguaio marcou gols em todos os jogos do seu país no certame. O último destes tentos foi exatamente o gol da virada no jogo decisivo contra o Brasil, franco favorito ao título mundial. O Maracanazo se tornou realidade! Ghiggia se tornou herói nacional no Uruguai após a segunda Copa ganha pela seleção celeste.

 

Uruguai em 1950

 

4 – Em 1953 se transferiu para a Roma na Itália. Não foi mais convocado para defender o Uruguai, visto que só jogadores que jogavam no país eram chamados. Então, foi naturalizado italiano e jogou durante as eliminatórias para a Copa de 1958, na qual a Itália não se classificou. Foi para o Milan em 1961, retornou para o Uruguai no ano seguinte, onde encerrou sua carreira pelo Danúbio em 1966, aos 40 anos.

 

 

5 – Após a aposentadoria, Ghiggia passou dificuldades, tendo trabalhado até a aposentadoria formal como funcionário do Cassino de Montevideo. Ainda tentou ser técnico, mas não deu certo. Todo o dinheiro que havia ganhado na Itália foi perdido com farras e mulheres. Acabou seus dias como proprietário de um pequeno supermercado em uma cidade próxima da capital uruguaia. Morreu em 16 de julho de 2015, exatamente 65 anos depois do seu gol histórico no Maracanã. Tinha 88 anos de idade e era o último remanescente do Maracanazo.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •