5 curiosidades sobre René Lacoste

Conheça mais sobre esse renomado tenista

 

1 – Infância e juventude

Natural de Paris, René Lacoste foi um renomado tenista e criador da marca de roupas que leva seu nome. Nasceu em 2 de julho de 1904 e só conheceu o tênis aos 15 anos, quando fez uma viagem a Inglaterra com seu pai. Sem um talento natural para o esporte, teve que treinar duro para conseguir se tornar um bom jogador.

 

René Lacoste com o pai, Jean-Jules Lacoste, 1927.

 

2 – Profissionalização

No início dos anos 20, todo o esforço do jovem jogador começou a ter resultado: em 1922 disputou seu primeiro Grand Slam (qualquer um dos 4 principais torneios de tênis do mundo) em Paris. Na competição, conhecida como Roland Garros atualmente, Lacoste perdeu na estreia. No ano seguinte já chegou entre os 16 melhores da competição, além de estrear no US Open, realizado nos Estados Unidos. Em 1924, participou das Olimpíadas de Paris, chegando nas quartas de final na disputa individual e conquistando o bronze no torneio de duplas.

 

O tenista francês e designer de moda  depois de sua vitória final em Wimbledon.

 

3 – O sucesso

Em 1925, todas as horas incessantes de treino e a experiência alcançada trouxeram os primeiros títulos: Lacoste acabou o ano como campeão de Roland Garros e de Wimbledon (Grand Slam britânico). Em 1926 perdeu o seu título no torneio francês, mas venceu seu primeiro em solo norte-americano. Em 1927 foi bicampeão no US Open e em Roland Garros. Também se uniu a outros gênios do tênis da França para vencer a primeira Copa Davis (competição entre os países) para seu país. Após esse título, ele, Jean Borotra, Henri Cochet e Jacques Brugnon ficaram conhecidos como os Quatro Mosqueteiros. Eles dominariam o circuito mundial de tênis durante os anos 20 e início dos 30. No ano seguinte repetiu a dose na Davis, assim como em Wimbledon. No ano de 1929, faturou o título em seu país natal mais uma vez. É preciso salientar que o tenista francês também foi 3 vezes campeão de duplas em Grand Slams (bi na França e uma conquista na Inglaterra).

 

Lacoste (direita) com Otto Froitzheim.

 

4 – Aposentadoria e a marca de roupas

Conhecido por ser um grande estudioso dos seus adversários e treinar mais do que os outros para se manter no topo, René Lacoste teve que encerrar a carreira prematuramente por conta da tuberculose. Com apenas 25 anos abandonou o tênis enquanto estava no auge. Aposentado, se casou com a golfista Simone de la Chaume, com quem teve uma filha e três filhos. Ainda tentou voltar em 1932, mas seu corpo não mais aguentava. No ano seguinte, fundou a Lacoste com seu sócio André Gillier. A famosa marca que tem como símbolo um crocodilo, faz alusão ao apelido do famoso tenista francês. A empresa surgiu pela necessidade de vestir os tenistas da época com uma roupa mais leve e que permitisse melhores movimentos em comparação às pesadas vestimentas utilizadas na época.

 

Lacoste in 1922.

 

5 – Anos finais

Com o sucesso da Lacoste, René pôde trabalhar em outros projetos relacionados ao tênis, como a criação da primeira raquete em aço tubular da história, em 1961. Passou o controle da empresa para seu primogênito, Bernard, no final de 1963. Em 1976, foi indicado para o Hall da Fama do Tênis junto aos seus outros companheiros dos Quatro Mosqueteiros. René Lacoste faleceu em outubro de 1996, aos 92 anos de idade.

  • 5
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •