5 fatos sobre Chico Science

Conheça mais sobre esse compositor pernambucano

 

1 – Francisco de Assis França Caldas Brandão, conhecido como Chico Science, foi um compositor e cantor natural de Olinda, Pernambuco. Nasceu no dia 13 de março de 1966. Ele ficou conhecido por ser o líder da banda Nação Zumbi e um dos principais representantes do Manguebeat. Passou a juventude no bairro de Rio Doce, onde aprendeu a gostar da música negra, principalmente o soul e o hip-hop.

 

Chico Science & Nação Zumbi.

 

2 – Em 1984, começou a participar de um grupo de dança e hip-hop. Em 1987 formou seu primeiro conjunto musical, que acabou em menos de um ano. Em seguida formou a banda Loustal, que misturava o rock com influências negras. No início dos anos 90, conheceu o Lamento Negro, associação que fazia um trabalho de educação nas periferias do Recife, ensinando percussão focada no maracatu e no coco de roda.

 

Lula Lira e o pai, Chico Science. Credito: Facebook/Reproducao da Internet. Lula Lira e Chico Science.

 

3 – Os dois grupos se uniram, formando o “Chico Science e Lamento Negro”. Após algum tempo assumiu o nome definitivo “Chico Science & Nação Zumbi”. A banda, que se formou na metade de 1991, mesclava ritmos regionais com rock, sintetizadores e influências da música negra norte-americana. Logo a mídia começou a se interessar pelo novo gênero musical que surgia: o manguebeat – alusão a essa vegetação típica do nordeste + batida em inglês.

 

Chico Science com a sua família.

 

4 – Além do novo som, os integrantes da banda também apresentavam uma forma diferente de se vestir e se apresentar. Em menos de 3 anos começaram a fazer um grande sucesso, lançando seu primeiro álbum “Da Lama ao Caos”, em 1994. Passaram a se apresentar em todo o país e até no exterior. Em 1996, veio o segundo CD, “Afrociberdelia”, mais um empreendimento bem-sucedido.

 

Estátua de Chico Science.

 

5 – Em 1997, no auge do sucesso, um grave acidente de carro interrompeu a curta, mas incrível trajetória de Chico Science. No início de fevereiro de 1997, enquanto estava indo de Recife para Olinda, foi fechado por outro carro e se chocou com um poste da rodovia. Mesmo sendo socorrido, chegou morto no hospital. Tinha apenas 30 anos de idade. O Uno que dirigia estava com um problema no cinto de segurança. Após a perícia a montadora Fiat foi a culpada pela morte do cantor, que poderia ser evitada se o cinto não estivesse com problemas. A família do cantor recebeu 10 milhões de reais de indenização. O músico pernambucano deixou um grande legado, principalmente em seu estado de origem.

 

Fotografia do acidente de carro do criador do movimento manguebeat, no Memorial Arcoverde.
  • 9
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •