5 fatos sobre Joseph Nicéphore Niépce

Conheça mais sobre um dos primeiros fotógrafos do mundo

 

1 – Natural da França, Joseph Nicéphore Niépce nasceu em 7 de março de 1765. Ele é conhecido como o inventor responsável pelas primeiras fotografias permanentes da história. Filho de um rico advogado, estudou na faculdade em Angers, onde aprendeu sobre Ciências. Nesse período adotou o nome Nicéphore em homenagem a São Nicéforo, um dos padroeiros de Constantinopla (atualmente Istambul).

 

Local de nascimento de Niepces em Chalon-sur-Saône.

 

2 – Na vida adulta, Niépce se tornou oficial do Exército francês por alguns anos, no início das conquistas iniciais de Napoleão Bonaparte. Em 1793, começou a estudar os efeitos da luz em uma câmara escura, fazendo com que as imagens ficassem gravadas quimicamente. Em 1795, se aposentou da vida militar para seguir seus experimentos..

 

Um dos três primeiros artefatos fotográficos conhecidos, criado por Nicéphore Niépce em 1825. É uma impressão de tinta em papel, mas a placa de impressão usada para torná-la foi fotograficamente criada pelo processo de heliografia de Niépce. Reproduz uma gravura flamenga do século XVII.

 

3 – Em 1801, Niépce voltou para sua cidade natal com o objetivo de fazer parceria com seu irmão Claude. Eles usaram a fortuna da família para criar uma máquina chamada “Pyréolophore”, um tipo de motor de combustão interna. A invenção não foi bem-sucedida e seu irmão foi morar na Inglaterra para tentar vender o invento. Nos anos posteriores, Claude enlouqueceu e já havia gastado boa parte da fortuna da família.

 

Versão aprimorada de Niépce’s View from the Window at Le Gras (1826 ou 1827), a mais antiga fotografia sobrevivente de uma cena do mundo real, feita usando uma câmera obscura.

 

4 – Joseph Niépce batizou o processo de capturar a luz de Heliografia e o estudou até a sua morte. Utilizou prata e ácido nítrico no início, mas as imagens rapidamente desapareciam. Em 1826, ao trocar as placas de prata por estanho, e usando betume da Judeia, que endurece ao ter contato com a luz, o inventor francês conseguiu uma imagem pouco nítida, mas que permaneceu no material. Foram necessárias 8 horas de exposição ao Sol na câmara escura para capturar essa imagem. Nesse momento, a fotografia era inventada.

 

Draisienne construída por Niépce, 1818 – Musée Nicéphore Niépce.

5 – Com o passar dos anos foi melhorando sua técnica, trocando o betume por iodo. Fez amizade e parceria com Louis Daguerre nos anos finais da sua vida. Das descobertas de Niépce, o outro inventor pôde perceber um método mais eficiente e rápido para se fotografar, além de inventar o daguerreótipo, primeira máquina fotográfica que se tem notícia. Morreu em 1833, aos 68 anos. Seu filho Isidore continuou a parceria com Daguerre.

  • 6
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •