5 fatos sobre Tenzing Norgay

Saiba mais sobre um dos primeiros homens a escalar o Monte Everest

 

1 – Infância e Juventude

Tenzing Norgay (nascido Namgyal Wangdi) foi um alpinista tibetano responsável por chegar ao pico do Monte Everest pela primeira vez na história, em escalada em conjunto com o neozelandês Edmund Hillary. Natural de Tshechu, no Tibet, nasceu em 15 de maio de 1914. Não se sabe ao certo quando se mudou para Khumbu, no Nepal, local habitado pela etnia Sherpa (ou Xerpa), habitantes das regiões montanhosas deste país.

 

Tenzing Norgay foi uma das duas pessoas que primeiro subiram ao cume do Everest

 

2 – Vida no Nepal

Não se sabe sobre as razões da mudança de nome de Tenzing Norgay, que significa “sortudo seguidor da religião” em nepalês. Ainda adolescente começou a trabalhar para uma importante família nepalesa, para fugir da rejeição dos sherpas por ele ser um imigrante. Esse emprego lhe propiciou uma razoável condição financeira para a época. Com o dinheiro que havia ganhado passou algum tempo vivendo em Darjeeling, na Índia.

 

Com parte da sua família em Darjeeling, Índia, entre o final dos anos 50 e início dos anos 60

 

3 – Início das expedições para o Himalaia

Antes dos 20 anos retornou ao Nepal e se casou com uma sherpa, o que lhe propiciou a oportunidade de guiar expedições pelo Himalaia. Durante os anos seguintes, Tenzing Norgay foi o guia que mais participou de escaladas na cordilheira mais alta do mundo. Após a Segunda Guerra Mundial lhe foi confiado o título de sirdar, um organizador de expedições.

 

Monte Everest

 

4 – A chegada ao topo

Em 1952, acompanhou uma subida que conseguiu atingir 8.600 m, quase chegando ao topo do Everest. Em 1953, era o sirdar de uma expedição britânica que visava atingir o cume da montanha mais alta do mundo. Tenzing Norgay era o par de Edmund Hillary, explorador neozelandês. No dia 29 de maio de 1953, saíram do acampamento instalado a 8.500m de altura e chegaram ao topo do Everest por volta de 11:30h da manhã. Os dois passaram 15 minutos no local tirando fotos e apreciando a vista. Como budista, o montanhista tibetano-nepalês deixou uma oferenda no cume de 8.848 m.

 

Edmund Hillary e Tenzing Norgay logo após chegarem ao topo do Monte Everest

 

5 – Resto da vida

Pelo feito alcançado, tanto Tenzing Norgay, quanto Hillary, foram condecorados. O alpinista asiático recebeu a Medalha de Jorge do governo britânico, a Estrela do Nepal e a Padma Brushan da Índia. Em 1955 escreveu sua autobiografia em parceria com um escritor britânico. Ele se tornou um herói nacional no Nepal e na Índia pelo feito alcançado. Desde 1954 se tornou responsável pelo Instituto de Alpinismo do Himalaia, estabelecido em Darjeeling pelos indianos. Em 1978, abriu sua própria empresa de montanhismo. Em 1986, um dos primeiros homens a chegar ao topo do mundo faleceu aos 71 anos de idade. Hoje em dia o negócio que fundou é administrado por um dos seus filhos.   

 

Recebendo uma das várias condecorações pelo grande feito alcançado

 

  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •