6 curiosidades sobre Clarice Lispector

Conheça mais sobre uma das maiores escritoras do Brasil

 

1 – Nascida Chaya (ou Haia) Pinkhasovna Lispector, Clarice Lispector foi uma escritora, dramaturga e jornalista ucraniana que foi naturalizada brasileira. De origem judaica, nasceu no dia 10 de dezembro de 1920. Sua família fugiu da Ucrânia durante a Guerra Civil Russa (saiba mais aqui) e veio para o Brasil. Quando chegaram em Maceió, a pequena Haia tinha 2 anos de idade.

 

Clarice quando estava se formando em Direito

 

2 – Buscando novas oportunidades financeiras, a família se mudou para Recife em 1925. Todos aportuguesaram seus nomes e Haia se tornou Clarice. Ela começou a estudar e desde cedo mostrava seu talento para a literatura. Em 1930 sua mãe faleceu. O ano coincide com a escrita de sua primeira peça teatral, que se perdeu com o tempo. Foi estudante do Ginásio Pernambucano até 1934, quando mudou-se com seus familiares para o Rio de Janeiro. Suas irmãs se tornaram funcionárias públicas e seu pai pretendia aumentar seus negócios.

 

Avenida Marquês de Olinda nos anos 1930

 

3 – No Rio, Clarice terminou seus estudos e começou a cursar Direito em 1939, concluindo a graduação em 1943. Nesse meio tempo perdeu o pai com apenas 20 anos e começou seu trabalho como jornalista. O ano de 1943 é emblemático na vida de Lispector: se formou advogada, casou-se com um colega de faculdade recém-aprovado na carreira diplomática, obteve a naturalização brasileira e publicou seu primeiro romance Perto do Coração Selvagem.

 

Faculdade de Direito da UFRJ

 

4 – Por conta da carreira diplomática do marido, Clarice morou em diversos países, além de conhecer diversos outros. No exterior nasceram seus dois filhos. Também em terras estrangeiras continuou escrevendo e sempre que voltava ao Brasil publicava suas obras. Começou a ser cronista de revistas e publicou seu primeiro livro de contos. Em 1959 se divorciou e retornou ao Rio de Janeiro.

 

Estátua da escritora Clarice Lispector e seu cão Ulisses, no Leme 

 

5 – Em 1960 publicou o livro Laços de Família, um grande sucesso. Na década de 60 foi muito produtiva, conseguindo a publicação de diversos romances e livros de contos, além de suas primeiras obras de literatura infantil. Nessa década continuou seu trabalho de cronista e quase todos os seus livros foram premiados.

 

Fonte Editora Rocco

 

6 – Na década de 70, publicou diversos contos, além de explorar seu talento como entrevistadora e tradutora (dominava diversos idiomas). Em 1977 publicou seu último romance A Hora da Estrela que até hoje é um grande sucesso. Faleceu de câncer de ovário na véspera do seu aniversário em dezembro de 1977. O legado de Clarice Lispector é respeitado no Brasil e no exterior, sendo ela considerada uma das grandes escritoras (entre homens e mulheres) judias da contemporaneidade.  

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •