9 fatos sobre Vinicius de Moraes

Saiba mais sobre a vida e a obra desse grande compositor e poeta brasileiro

 

1 – Nasceu em 19 de outubro de 1913 no Rio de Janeiro. Durante sua vida exerceu várias funções de destaque nas artes. Foi poeta, cantor, compositor e dramaturgo, além de jornalista e diplomata.

 

2 –  Graduou-se em Direito em 1933 e em 1938 ganhou uma bolsa para estudar literatura inglesa na Universidade de Oxford, retornando três anos depois. Em 1943 passou no concurso para diplomata, permanecendo na carreira diplomática até 1968, quando foi aposentado compulsoriamente pela ditadura militar.

 

Vinicius durante sua juventude

 

3 – Começou a compor nos anos 20. Com apenas 15 anos compôs duas músicas com os Irmãos Tapajós. 4 anos depois elas foram lançadas na voz dos parceiros musicais de Vinicius. Seu primeiro livro de poesia foi lançado em 1933 e chama-se O Caminha para a Distância. Ainda na década de 30 fez amizade com Mário de Andrade, Manuel Bandeira e Oswald de Andrade.

 

4 – Em 1956 conheceu Tom Jobim, com quem faria uma das maiores parcerias da história da música brasileira. Com Tom, João Gilberto e outros músicos cariocas foi um dos fundadores da Bossa Nova no final dos anos 50.

 

Vinicius de Moraes e Tom Jobim

 

5 – Fez grandes parcerias com nomes como Toquinho, Tom Jobim, Baden Powell, João Gilberto, Francis Hime, Carlos Lyra e Chico Buarque. Ficou marcado pela composição de grandes clássicos da Música Popular Brasileira (MPB). Veja a lista de canções de Vinicius de Moraes clicando aqui.

 

6 – Considerado um grande boêmio e um galanteador, Vinicius se casou 9 vezes durante sua vida e teve 5 filhos.

 

Vinicius e Toquinho

 

7 – Escreveu 4 peças e 2 livros de prosa em sua vasta obra. Também foi conhecido crítico de cinema, trabalhando principalmente nos anos 40 e 50 nesse ramo.

 

8 – Além da música, sua outra paixão era a poesia. Apelidado de “poetinha” por seu gosto por escrever poemas líricos, Vinicius de Moraes escreveu 13 livros do gênero em vários anos de carreira.

 

Ao lado de Manuel Bandeira, Chico Buarque e Tom Jobim

 

9 – Vinicius morreu em julho de 1980. Ele passou mal em casa e mesmo sendo levado ao hospital não resistiu aos efeitos de um edema pulmonar. A música e a poesia brasileira perderam um dos seus grandes expoentes do século 20 aos 66 anos de idade.

  • 10
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •