Pernambuco em regiões – Parte 2

Conheça mais informações sobre as 12 Regiões de Desenvolvimento de Pernambuco

 

 

Por Audálio Machado

 

 

No texto passado (saiba mais aqui) falei sobre as Regiões de Desenvolvimento de Pernambuco, as cidades que fazem parte delas e suas respectivas populações. Neste artigo pretendo fazer mais apontamentos sobre as informações recolhidas. Por exemplo, no quadro abaixo é possível observar as populações de cada divisão estadual e quantos municípios há em cada uma. Vejamos:

 

Quadro 1 – Relação das Regiões de Desenvolvimento de Pernambuco

 

 

Como pode ser apreendido, os Agrestes Central e Meridional dividem a liderança dos locais com mais municípios (26), enquanto os Sertões de Itaparica, do Moxotó e do São Francisco partilham o menor número de municipalidades (7). Com um alto número de cidades também se destaca a Mata Sul. O Sertão Central é outra região que possui poucas áreas urbanas.

Em relação à população, a área que domina de longe é a Região Metropolitana, o que já era esperado por abrigar os três municípios mais populosos do estado – Recife, Jaboatão dos Guararapes e Olinda. O Agreste Central é a única outra região que passa dos 1 milhão de habitantes. Em sentido oposto, o Sertão de Itaparica é o menos povoado, sendo seguido pelo Sertão Central.

Agora, vamos observar a população e o número de municipalidades por região geográfica – Agreste, Região Metropolitana, Sertão e Região Metropolitana. Vamos lá:

 

Quadro 2 – Relação das Regiões Geográficas de Pernambuco

 

 

Novamente, podemos perceber que a Região Metropolitana continua sendo a mais populosa de Pernambuco. De fato, ela representa cerca de 40% da população do estado. Em seguida, temos o Agreste, que abriga mais de 2 milhões de pessoas. A Zona da Mata fica em último lugar em termos populacionais, mas é possível observar no primeiro quadro, que existe apenas Mata Sul e Zona Norte, enquanto o Sertão é subdividido em 6 áreas.

Até por isso, é possível observar por exemplo que a média de habitantes por município na Região Metropolitana é de aproximadamente 258.300 pessoas. O Agreste possui uma média de cerca de 33.700, a Zona da Mata de 32.450 e o Sertão de 30.700 habitantes por cidade.

 

A Região Metropolitana do Recife (em vermelho) é a área mais populosa de Pernambuco

 

Espero que tenham gostado das informações que apresentei no texto. Pernambuco é um local conhecido por sua rica cultura e história, mas acho que é fundamental conhecer sua geografia e como os moradores do estado estão distribuídos em seu território. Por conta de dados demográficos e socioeconômicos também é possível analisar em partes o que cada região precisa e quais a políticas públicas que devem ser implementadas em cada área e seus municípios.

 

Referências

 

http://www.bde.pe.gov.br/estruturacaogeral/mesorregioes.aspx

https://cidades.ibge.gov.br/

  • 15
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •