Pessoas

5 curiosidades sobre Luís IX

Conheça mais sobre o 42° rei da França

 

1 – Uma breve biografia

Nascido em 25 de abril de 1214, Luís IX, mais conhecido como São Luís, foi o Rei da França de 1226 até sua morte e um santo da Igreja Católica. Foi o 42º rei da França, a contar de Clóvis I, e o nono rei da dinastia capetiana a ocupar o trono da França.

Sagração de Luís IX de França na catedral de Reims, iluminura do século XIII

 

2 – Infãncia e juventude

Filho do rei Luís VIII e da rainha Branca de Castela, Luís IX nasceu em Paris e era o quinto filho do casal. Sendo o quarto filho homem, seus irmão morreram muito cedo e o jovem de 12 anos subiu ao poder. Sua mãe foi a sua regente, tendo que conviver com pressões dos ingleses, de nobres ambiciosos pelo poder e uma revolta dos cátaros no sul da França. O Catarismo foi uma poderosa seita cristã que pregava que existia um Deus bom e outro mau.

São Luís
Vitrais na Basílica de Sacré Cœur de Montmartre

 

3 – Assumindo o trono

Aos 15 anos, o jovem rei guerreou contra os ingleses em uma invasão neste período conturbado da França. Com 20 anos, em 1234, Luís IX se casou com Margarida da Provença. Mesmo assim, permitiu que sua mãe fosse uma poderosa conselheira sua até a morte dela em 1252. No período do seu reinado, o reino francês atingiu seu ápice econômico, militar e cultural. Também estabeleceu o poder real sobre quase todos os nobres franceses, em um período ainda marcado pelo feudalismo

 

Luís IX de França Por Emile Signol, 1839, Palácio de Versalhes

 

4 – A Sétima Cruzada

Em 1242, uma nova invasão inglesa obrigou Luís IX a expulsá-los mais uma vez do seu território. Neste mesmo tempo, uma rebelião interna foi suprimida. No ano de 1244 resolveu organizar uma Cruzada contra os muçulmanos na Terra Santa. Por sua grande religiosidade e poder militar (saiba mais aqui), o rei francês havia prometido este feito caso se curasse de uma grave doença que quase o levou a morte. Quatro anos depois partiu na expedição que ficaria conhecida como a Sétima Cruzada. Chegando no Egito com 100 navios e 35 mil soldados, uma epidemia de peste assolou as tropas, além das dificuldades causadas pela enchente do Rio Nilo. Desse modo, foi facilmente capturado pelos egípcios.

 

A Apoteose de São Luís
Estátua equestre em St. Louis no Missouri, Estados Unidos por Charles Henry Niehaus

 

5 – O retorno e a Oitava Cruzada

Luís IX passou mais de 5 anos como prisioneiro. Mesmo sendo um rei cristão, aproveitou sua localização para fazer amizade com líderes muçulmanos e mongóis, além de fortalecer as cidades cristãs na Síria. Foi libertado cedo, mas decidiu ficar mais alguns anos na região para fazer política com os povos locais. De volta à França em 1254, o rei era a personalidade mais importante da Europa, conseguindo não só a paz com os ingleses, como tornou a Inglaterra sua vassala. Ao organizar a Oitava Cruzada em 1269, Luís arregimentou novos aliados e partiu para Túnis, no Norte da África, visando fazer o sultão local seu aliado. No entanto, ao chegar em solo tunisiano, foi acometido pela peste e faleceu em 25 de agosto de 1270, com 56 anos de idade. Por seus feitos pelo cristianismo, foi canonizado como São Luís em julho de 1297 pelo Papa Bonifácio VIII.

  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Pular para a barra de ferramentas